ALGORITMO DO INSTAGRAM: tudo que você precisa saber


Você, provavelmente, lembra do feed do Instagram em ordem cronológica, certo?

No entanto, desde 2016, as regras mudaram.

É aí que entra o tão falado e temido algoritmo do Instagram. O objetivo dele é bem claro: que o usuário encontre o que ele mais deseja em primeiro lugar.

Por isso, a mudança de 2016: tornar a plataforma mais personalizada, mostrar os posts mais relevantes, focando em uma melhor experiência para o usuário.

E o resultado deu certo: atualmente, o Instagram é a rede que mais engaja.

Nesse post, falaremos sobre como o algoritmo funciona, responder as principais dúvidas que aparecem por aqui e ainda dar aquelas dicas incríveis para seu perfil bombar.

Como funciona o algoritmo do Instagram?

O algoritmo é baseado em três princípios básicos:

- Temporalidade

Mesmo com o fim do feed cronológico, a temporalidade ainda é um aspecto importante, pois a rede entende que os usuários querem ver conteúdo novo e recente a cada vez que usam o aplicativo.

Assim, apesar de os posts não aparecem em uma ordem cronológica, eles ainda seguem uma lógica temporal, sendo um dos critérios do algoritmo.

A frequência das postagens é muito importante para esse princípio. No entanto, é bom ter o cuidado que quantidade não é igual a qualidade. A relevância do conteúdo é essencial para o melhor ranqueamento.

- Engajamento

O engajamento que uma postagem recebe indica seu potencial para engajar mais pessoas na rede. Aqui, nós estamos nos referindo a curtidas, comentários e postagens salvas. O algoritmo entende que aquele conteúdo apresenta relevância aos usuários.

Se unir o engajamento com a temporalidade fica melhor ainda! O que isso significa? Um post receber um alto número de engajamento nas primeiras horas de postagem.

O algoritmo também considera outros meios para determinar o engajamento como:

  • O tempo de visualização de um stories ou vídeo;

  • Tempo gasto em um post;

  • As marcações realizadas pelos usuários;

  • Envio da postagem via direct;

  • Visitação em postagens anteriores.

- Relacionamento

O Instagram analisa os perfis com os quais você se relaciona mais para entender a relevância das postagens feitas para a sua experiência. Por isso, os posts de amigos mais próximos e das marcas de maior interesse aparecem como prioridade no feed.

A análise parte dos comentários, das buscas realizadas, os compartilhamentos, as postagens e os stories que você compartilha com outros usuários.

Principais dúvidas sobre o algoritmo do Instagram

Se você tem dúvidas sobre o algoritmo do Instagram, a hora de tirá-las é agora!

A página @Creators, um perfil dedicado para a comunicação entre o Instagram e os produtores de conteúdo, divulgou algumas informações muito interessantes sobre o algoritmo da plataforma. Vamos a elas:

- O Instagram rankeia melhor os posts que recebem muitos likes e comentários nos primeiros 30 minutos?

Falso! Não existe uma relação entre a velocidade do engajamento e o rankeamento no feed.

- O algoritmo não conta comentário com menos de 3 palavras?

Outro mito!

- Por que o feed cronológico não volta?

Isso não terá volta. Por meio do novo modelo, percebeu-se um aumento em 50% do alcance das postagens comparado com a versão cronológica.

- O que é mais importante para o algoritmo?

De maior para menor peso: salvar, compartilhar, comentar, curtir e visualizar.

- Os vídeos são priorizados no feed em comparação com outros tipos de conteúdo?

Universalmente, não há favorecimento de fotos em detrimento de vídeos. Os feeds são customizados por cada usuário, então isso depende de como e quais conteúdos ele consome na rede. Se é alguém que consistentemente assiste vídeos no Instagram, isso será refletido em seu feed.

- Grupos de engajamento ajudam um post a aparecer mais no feed?

Autenticidade e transparência são fatores-chave para a construção do engajamento e sucesso no Instagram. Essas tentativas de enganar o algoritmo podem ter pequenos resultados no curto prazo, mas esse não é o melhor caminho para o sucesso a longo prazo. Além disso, por ser um algoritmo baseado em Machine Learning, ele é capaz de aprender novos padrões e identificar essas trocas artificiais.

- O tipo de conta impacta no rankeamento nos feeds?

Não, a rede não favorece conteúdos provenientes de contas de negócios e perfis verificados. No entanto, se você interage mais com esse tipo de conteúdo, ele aparecerá com mais frequência em seu feed.

- Qual é a frequência de atualização do algoritmo?

Por ser baseado em uma ferramenta de Machine Learning, o algoritmo do Instagram está constantemente sendo atualizado e melhorado a partir dos novos dados adquiridos.

Como trabalhar o algoritmo ao nosso favor?

Você já entendeu como o algoritmo funciona e quais são os mitos por trás dele. Agora, é hora de descobrir como conseguir resultados melhores no Instagram.

Mas tenha sempre em mente uma coisa: a plataforma sempre irá buscar a melhor experiência de seu usuário.

- Melhores horários de postagem

Você precisa entender qual horário mais seguidores acessam o aplicativo. Isso é fundamental para garantir o engajamento inicial do post.

Para isso, é importante fazer testes e analisar o comportamento da sua audiência. Também tenha em mente que o melhor horário de postagem pode variar de acordo com o tipo de conteúdo.

- Tenha um relacionamento com seus seguidores

É fundamental desenvolver um relacionamento duradouro, baseado em engajamento constante e com crescimento saudável.

- Conheça seu público

Saber quem são seus seguidores é essencial para oferecer a eles o que eles buscam. Entenda o perfil de quem acompanha sua marca e qual é o seu comportamento.

Uma ferramenta que você pode usar é o Instagram Insights, que permite descobrir informações demográficas como gênero, idade e localização.

- Utilize o Instagram Stories

O Instagram Stories tem seu próprio algoritmo e você precisa utilizá-lo!

Os Stories trazem um contato mais próximo e recorrente com seus seguidores. Use os recursos disponíveis para criar boas histórias:

  • Conteúdos dos bastidores;

  • Detalhes do produto ou serviço.

  • Utilize "Enquetes" para fazer perguntas;

  • Crie uma série para o Instagram Stories (o que estimulará que seus seguidores te acompanhem diariamente);

  • Salve suas histórias nos “Destaques” do perfil.

- Use hashtags

As hashtags são extremamente importantes, principalmente depois que os usários puderam seguir hashtags. E aqui vão algumas dicas:

  • Não copie e cole as mesmas hashtags, pois isso gera uma penalidade automática pelo algoritmo.

  • O Instagram permite até 30 hashtags por comentário, mas não abuse. Além disso, o excesso de hashtags pode poluir seu conteúdo e incomodar o usuário. Se você usar mais de 30, todas as suas hashtags serão anuladas.

  • Existe uma espécie de ranking. As contas mais influentes e maiores aparecem primeiro quando pesquisam uma hashtags, assim o algoritmo exibe primeiro os posts mais populares. Apostar em uma hashtags de menor concorrência dará uma melhor chance de classificar próximo ao topo.

  • É interessante criar uma hashtag própria para a sua marca ou evento como estratégia de marketing digital, mas além dela, use também hashtags que estejam dentro do seu nicho. De acordo com uma pesquisa, a cada 10 hashtags, 7 são próprias da marca.

- Bom conteúdo SEMPRE!

Lembre-se do visual mas não se esqueça do conteúdo! Um bom conteúdo é aquele que conecta e encanta as pessoas.

  • Crie boas legendas;

  • Faça posts informativos e/ou descritivos;

  • Conte uma história;

  • Não foque apenas em conteúdo sobre sua marca.

--

Quer ajuda para botar todas as ideias em prática e entender melhor o conteúdo do Instagram? Nos mande um email: natashadias@bclancomunicacao.com.br

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square